ANDEBOLO Sport Lisboa e Benfica, através do seu site oficial (ver aqui), criticou na passada sexta-feira o árbitro que apitou o encontro de Andebol entre as águias e os dragões, que terminou com a vitória destes últimos por 24-27. A crítica tem por base a atitude adotada por Rui Rodrigues no Facebook, onde é fã de páginas como “Anti-Benfica” ou “FCP Fans”.

A pergunta coloca-se: até onde vai a liberdade individual de cada um? Poderá esta liberdade ser condicionada em função do papel que a pessoa ocupa na sociedade?

A convite do Filipe Carrera, tive a oportunidade de falar sobre o impacto do digital no marketing de eventos, com particular incidência na minha experiência desportiva com o hóquei em campo, num hangout realizado no âmbito da Pós-Graduação em Marketing Digital do IPAM/IADE. Gostei e é uma experiência que quero repetir. Subscreva a newsletter: http://bit.ly/newsmarcoscastro

tokyo-2020_summer_olympicsSoube-se este sábado que o palco dos Jogos Olímpicos 2020 será Tóquio, no Japão.

Do ponto de vista do marketer, acho que não poderia haver melhor local, entre os que estavam em disputa. O continente asiático encerra um enorme potencial de crescimento para as marcas, dado o cada vez maior poderio financeiro dos seus países constituintes. Não é à toa que vemos outras modalidades a investirem na Ásia, como o futebol, o basquetebol ou o basebol, onde se devolvem acções específicas para este mercado e até, em última instância, se adquirem produtos/atletas dos mesmos de forma a captar o interesse de uma sociedade em busca da ocidentalização. Não estranha por isso que entre 2008 e 2020, os Jogos Olímpicos viajem duas vezes para esta parte do mundo.

TOP UA-37139526-1