A resposta mais simples é, normalmente, a correcta

by / Segunda-feira, 12 Março 2012 / Published in Artigo Opinião, Artigos, Gestão
Noutro dia estava a assistir à série televisiva “O Mentalista”, onde Patrick Jane (Simon Baker), a figura principal da série, tem um talento especial que consiste em observar tudo ao detalhe, “lendo” de forma muito eficaz todos os cenários de um crime. Ele diz que “a resposta mais simples é, normalmente, a correcta”.
Vem isto a propósito de um vídeo que hoje me chegou, sobre Raul Oaida, um físico romeno, e Steve Sammartino, um empresário australiano, que decidiram lançar um vaivém espacial construído com peças Lego para o espaço. A acção levada a cabo é tão simples, mas o seu “alcance” é tão brutal: o Lego voou até aos 35 km de altitude. Isto é, muitas vezes as acções mais simples, autênticas e genuínas, são as que tem mais impacto, são as que nos trazem uma visão diferente de determinada situação. Haja criatividade e ousadia! Algumas vezes, é melhor não complicar…
Em dez dias, o vídeo já leva perto de 600 mil visualizações no YouTube.

Deixe uma resposta

You must be logged in to post a comment.

TOP UA-37139526-1
Read previous post:
Uma lição do Homer Simpson: quando a solução está mesmo à nossa frente.

Ao fazer uma diagonal pelo feed de notícias do Facebook, deparei-me com um cartoon que ilustra uma situação vivenciada pelo...

Close