Orçamento de Estado para 2013: uma oportunidade para o desporto?

by / Terça-feira, 16 Outubro 2012 / Published in Artigo Opinião, Artigos, Gestão
Já foi entregue pelo Governo no parlamento o Orçamento de Estado para 2013. As penalizações para o desporto, como para outros sectores, são duras, como a redução em mais de 10 milhões de euros no orçamento do IPDJ (de 83,4 para 72,5 milhões. Fonte: RTP).
Naturalmente esta redução de verbas não augura nada de bom para o desenvolvimento do desporto no nosso país, por outro lado, penso que este corte pode constituir uma oportunidade para um incremento da proactividade dos agentes desportivos, na medida em que, fechando-se cada vez mais a torneira do dinheiro proveniente do Estado, as organizações são obrigadas a partir para a procura de soluções que permitam manter vivos os objectivos para as quais foram criadas.
Independentemente da dimensão e dependência do financiamento estatal, os agentes desportivos responsáveis pelo desenvolvimento da estratégia e sua consequente execução, estão agora colocados perante um cenário onde a mobilidade e a capacidade de adaptação é essencial para o êxito, perceba-se, manutenção dos quadros competitivos de clubes e participação das selecções nacionais em provas internacionais, no caso das federações, ou, simplesmente, a manutenção dos escalões de competição actualmente existentes nos clubes.
O paradigma está a mudar, e agora, mais do que nunca, devemos ir à procura de parceiros, de criar relações win-win, de criarmos valor para os nossos clientes (os atletas, os fãs, etc.), enfim, de coerentemente definirmos uma estratégia assertiva e adequada à nossa realidade.
Mãos à obra!

Deixe uma resposta

You must be logged in to post a comment.

TOP UA-37139526-1
Read previous post:
Como podem os três grandes do futebol português contornar a crise, através da venda de lugares anuais

Ainda no seguimento do artigo publicado no Record, fica aqui o texto integral do meu depoimento.  "A atual crise financeira...

Close